abril 22 2013 0Comentário

Água, o bem mais precioso.

A água existe na natureza nos seus três estados de agregação: sólido, liquido e  na forma de vapor d’água. As nuvens são formadas por pequenas gotas d’água, o ar possui grande quantidade de vapor d’água que varia de lugar pra lugar.

O organismo dos animais encerra água em proporções que atingem até 70%; as plantas terrestres até 75%; as plantas aquáticas, até 95%; alguns animais aquáticos até 99% e os corpos aparentemente secos, como os minerais, podem possuir alguma quantidade de H2O. Esse é o caso da soda cristalina, que apresenta até 63% de peso em H2O, e o sulfato de cobre quando azul, que encerra até 36% de H2O.

A legislação brasileira.

A água é um bem de domínio publico, alem de um recurso limitado e dotado de um valor. Essa definição é a base da política nacional de recursos hídricos, instituída pela Lei Federal nº 9.433 de 08 de janeiro de 1997. Esta lei trata, dentre outros pontos, da concessão de direitos de uso de recursos hídricos naturais para a realização de atividades econômicas.

 

Abastecimento

Como a água é indispensável à vida humana e sem ela nenhuma comunidade poderia subsistir, surge a necessidade de cuidar do respectivo abastecimento, tendo em vista as usa diversa finalidades: consumo, usos domésticos e industriais, e serviços públicos – limpeza, combate a incêndio, irrigação etc. Com o aperfeiçoamento dos conhecimentos científicos, aumentam as exigências quanto às propriedades da água potável. A importância da água fez com que o homem, desde os tempos primitivos, lhe dedicasse os maiores cuidados, que se traduzem nas fases de captação, depósito, preservação, distribuição e tratamento.

 

Crise da água: modismo, futurologia ou uma questão atual.

A água doce é essencial para a humanidade, mas a maioria não se dá conta de que o aumento

da população  mundial, e, portanto das atividades agrícolas e industriais, está reduzindo a

qualidade desse recurso e tornando-o  mais escasso em algumas regiões.Alguns aspectos

desta crise já vêm sendo discutidos na área acadêmica e por  autoridades políticas e organizações não-governamentais. No  entanto, o grande público ainda não percebeu a importância desta questão e não conhece a fundo suas causas e conseqüências. Essa questão está diretamente associada aos impactos das ações  humanas  sobre os ambientes da água  doce.

A água doce, correspondente a menos de 3%    de toda água existente no mundo e a água salgada (97,25% do total) precisa  passar por um processo de dessalinização; apenas 22% do estoque mundial de água doce é imediatamente utilizável; a maior   parte está nas galeras. O homem tem extrema dependência da água doce, e como o volume desse recurso no ambiente é pequeno, ele é considerado um fator limitante para a espécie humana.

 

Reprodução permitida:

Apoio:

  • Radio Compartilhando o Saber.
  • Tecnologia da comunicação:

Levar ao público em geral informações sérias não tendenciosas, geradas por instituições ou pessoas que realmente se preocupam com a qualidade do conhecimento e acreditam que estes devem ser para todos.

Contato:

orlando@omelhordanatureza.com.br

www.facebook.com/orlando.vettorazzo

Contatos: Fixo. 11 – 4563-5831

Whats App – 11 – 9 8926 1683    

 

Gostou? Deixe seu comentário!